SÃO CARLOS | Marquinho Amaral não quer o fechamento da Pró-Memória e FESC

Durante a sessão ordinária desta terça-feira (31), o vereador e vice-presidente da Câmara Municipal, Marquinho Amaral afirmou ser contrário ao fechamento das fundações FESC e Pró-Memória.

Para Marquinho, a Pro-Memória é fundamental para manter viva a história da cidade. A fundação possui um grande acervo de fotografias e documentos, que retratam as várias fases da historia de São Carlos.  Além disso, cuida das construções tombadas e de interesse histórico do município. O encerramento de suas atividades constitui a aniquilação do passado da Capital Nacional da Tecnologia.

Segundo o vereador, a FESC tem grandes programas educacionais, principalmente para a terceira idade e uma história incrível, com os cursos de Educação Física e Biblioteconomia. A FESC abriga também um importante canal de TV aberta, o TV Educativa de São Carlos. Entretanto, necessita de uma nova administração e ser reerguida do sucateamento pelo qual passou no governo anterior.

“Milhares de pessoas já se formaram nestas escolas. Muitas morando no exterior e tantas outras nos quatro rincões do país. O que precisamos é voltar a dar qualidade nos cursos e trabalhos desenvolvidos pela FESC.”

Marquinho já adiantou que caso seja enviado algum projeto da prefeitura extinguido as duas fundações ele votará contrariamente e fará todo esforço para derrotar o projeto em plenário.

“Não acredito em fofocas e tenho certeza que o prefeito Airton Garcia não vai fechar essas grandes e históricas fundações, e sim aparelha-las para melhorias em suas atividades”.

1 thought on “SÃO CARLOS | Marquinho Amaral não quer o fechamento da Pró-Memória e FESC

  1. Não acredito que viveremos um retrocesso tão grande fechando dois departamentos que são tão importante para a cidade , a FESC funciona como um ponto de apoio para a qualidade de vida dos idosos , grande parte das pessoas que deram a vida pelo bem da cidade ,tem na fesc seu maior ponto de apoio emocional e físico , seria um crime contra a qualidade de vida do idoso ,e devemos lutar contra isso de unhas e dente e teclados . O Pro -Memoria abriga um longo caminho percorrido e armazenado com muito sacrifício por pessoas honestas de caracter e de grande amor por São Carlos , e seria uma ignorância muito grande e uma desfeita a nossa cidade amada , os nossos netos serem privados de conhecer sua historia . !

Deixe uma resposta