SÃO CARLOS | Secretário de Saúde estuda ações para filas do CEME

A fila começa de madrugada. Diariamente, às sete da manhã, quando o Centro Municipal de Especialidades Médicas (CEME) começa a funcionar, cerca de 100 pessoas já esperam para marcar uma consulta. A situação, que há muito tempo incomoda os pacientes, está sendo acompanhado de perto pelo secretário de Saúde, Carlos Eduardo Colenci.

Desde o início da semana, o secretário está visitando o Centro de Especialidades durante a madrugada. “Quero diminuir a fila do CEME. Estamos entrevistando as pessoas, entendendo como funciona essa procura, para buscar uma solução viável para esse problema. Não podemos permitir que as pessoas cheguem aqui de madrugada para marcar uma simples consulta”, afirmou o secretário Colenci.

Segundo ele, depois de algumas conversas, ficou claro que as pessoas vão para a fila de madrugada para ser atendido no primeiro horário. “Percebi que existe uma questão cultural, as pessoas querem ser atendidas logo e por isso, chegam cedinho”.

Na fila, o secretário de Saúde encontrou pessoas de várias cidades. “Muitas cidades encaminham seus pacientes para atendimento aqui. Hoje, conversei com pessoas de Descalvado, Américo Brasiliense e Ibaté. A qualidade do atendimento foi apontada por alguns como sendo o motivo do deslocamento”.

A meta é diminuir e até quem sabe acabar com a fila. “Nós precisamos ter mais médicos e melhorar a gestão na marcação de consultas. Um problema que identificamos é que o paciente sai da consulta e não é feita a marcação do retorno e isso é possível fazer. Isso evitaria que esse paciente do retorno fosse para a fila da madrugada. Por isso estamos ouvindo a população”.

O Centro de Especialidades é um ambulatório de referência em 24 especialidades em saúde de São Carlos e microrregião. Os agendamentos são feitos diariamente das 7h às 14h30. Por mês, são realizadas em média 5 mil consultas.

Números de consultas agendadas nos últimos 3 dias: segunda-feira (13/2 – 170 consultas), terça-feira (14/2 – 170 consultas) e na quarta-feira (15/2 – 419 consultas).

Deixe uma resposta