SÃO CARLOS | Prefeitura implanta sistema de videomonitoramento por câmeras OCR na cidade

A Prefeitura de São Carlos apresentou na manhã desta quarta-feira, 17, o novo sistema de videomonitoramento por câmeras OCR.

De acordo com o diretor de Coordenação de Política Institucional da Secretaria de Governo, Samir Gardini, os recursos de OCR são utilizados para reconhecimento automático de placas de veículos, permite identificar, de forma confiável, veículos com registros de furto ou roubo que entrarem ou saírem do município.

“Ao passar pela câmera de fiscalização, a placa do veículo é fotografada, registrando-a em um banco de dados de imagens com data, hora, câmera, possibilitando diversas consultas e um gerenciamento mais eficaz do trânsito”, comentou.

Na região, São Carlos é a primeira cidade a instalar esse novo sistema. “Aqui na região central somos os pioneiros no sistema OCR”, ressaltou Samir.

O tenente coronel Alexandre Wellington de Souza, comandante geral do 38º Batalhão da Polícia Militar (BPM-I), ressaltou que nesse primeiro momento, o sistema atuará apenas para identificar a situação criminal dos veículos. “As restrições administrativas (IPVA vencido, multas não pagas, etc.), não serão alvo de verificação nesse primeiro momento, apenas a identificação dos veículos roubados ou furtados”, contou.

O sistema vai possibilitar ação imediata dos órgãos de segurança, tais como, apreensão do veículo, rendição dos passageiros e qualquer outra medida que se julgar necessária.

(Foto: Marcos Escrivani/São Carlos Agora)

Coca Ferraz, secretário municipal de Transporte e Trânsito, comentou que as funções de registro de velocidade (radares) continuarão funcionando normalmente. “O que fizemos foi dar um plus às câmeras de radar que já funcionam na nossa cidade, interligando com os sistemas da Polícia Militar do Estado de São Paulo, para que esses veículos furtados ou roubados, possam ser identificados”, afirmou.

“A instalação do videomonitoramento por câmeras OCR concilia tecnologia e inteligência aos indicadores de criminalidade e vulnerabilidade, propiciando assim, melhores respostas. O monitoramento das câmeras, a principio, continua na Guarda Municipal, depois passaremos para o Centro Integrado de Monitoramento e Inteligência (CIMI), uma parceria entre o município e as policias Militar e Civil”, explicou Samir Gardini.

Paulo Melo, secretário parlamentar do deputado federal Lobbe Neto (PSDB-SP), participou da apresentação do novo sistema e elogiou a ação da Prefeitura Municipal. “Um grande avanço para a Capital Nacional da Tecnologia, que irá facilitar o próprio trabalho das forças de segurança da nossa cidade. Parabéns ao prefeito Airton Garcia, que deu todas as condições para que esse projeto pudesse ser implantado na cidade”, comentou.

Deixe uma resposta