DESTAKE | Bailarinos de Ibaté são destaques em competição de dança na cidade de Indaiatuba

A cidade de Indaiatuba recebeu no Ciaei (Centro Integrado de Apoio à Educação de Indaiatuba), mais de dois mil bailarinos, de 60 diferentes municípios, e diversas vertentes da dança, para participar da regional SP do Passo de Arte.

Os bailarinos inscritos buscaram a indicação para o Youth America Grand Prix Brasil (YAGP Brasil), concurso que escolhe candidatos brasileiros que representam o país no YAGP em Nova York, além de vagas para o 25º Passo de Arte, evento internacional que ocorre em julho deste ano, também em Indaiatuba, São Paulo.

E os bailarinos do grupo “Passo de Arte” [formado por Maryssa Zecchin Simões; Loren Oliveira; Anelise Rossito Tersigni; Isabela Ranieri; Bianca Toma; Maria Lúcia Scarelli; Giovane Mendonça; Dhiego Stefani; e Jaqueline Giro de Andrade], que representaram a cidade de Ibaté, se destacaram na modalidade Dança de Rua e Sapateado, conquistando o primeiro lugar para a fase nacional que deverá ocorrer no mês de Julho [data a confirmar].

O bailarino e coreógrafo Giovane Mendonça foi indicado ao Prêmio de Melhor Coreógrafo do Passo de Arte SP II.

A avaliação dos participantes do Passo de Arte SPII ficou a cargo do júri composto pelos professores Barbara Rey (SC), Edson Santos (SP), Juliana Garcia (SP) e Cicero Gomes (RJ). “Além de ser um estímulo aos jovens bailarinos da região, o Passo de Arte SPII serviu, para quem gosta de dança, como uma vitrine do que está sendo feito na área e uma oportunidade de assistir a diversos gêneros de dança”, comentou Marisa Pivetta, diretora do Instituto Passo de Arte e representante do YAGP no Brasil.

Sobre o Instituto Passo de Arte

Fundada em 1985 pelos publicitários William Romão Costa e Juliano Rubens de Carvalho, como Star’s Dance, empresa pioneira no Estado de São Paulo a atuar na área de produção e fomento da dança, se tornou uma das maiores incentivadoras de festivais e veículos de informações do setor. Todo know-how adquirido ao longo das últimas décadas aliado a mudança da direção, que passou a contar com a experiência da ex-bailarina Marisa Pivetta, deu início a realização de eventos próprios, que se tornaram referências de qualidade e técnica em todo o Estado de São Paulo, entre eles o MPB Dança – Festival de Dança com músicas de compositores brasileiros e ABC Dança, além da produção do informativo Star’s Dance e a criação de uma cooperativa para a produção dos balés de repertórios O Quebra Nozes, Coppélia e Cinderela, entre outros, além de apoio na criação de associações de dança na região. Toda essa experiência resultou no projeto Passo de Arte, que produz competições de dança em São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Porto Alegre, Fortaleza Curitiba e Espírito Santo.

Deixe uma resposta