SÃO CARLOS | Simulação de abandono de área na Santa Casa tem saldo positivo, diz Corpo de Bombeiros

A proposta foi fazer um treinamento da Brigada de Emergência no qual os funcionários vivenciaram uma situação de incêndio na UTI

O Corpo de Bombeiros e o SESMT da Santa Casa de São Carlos efetivaram na manhã desta sexta-feira, 4 de agosto, um exercício simulado de abandono de área, na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do hospital, como se ocorresse um incêndio no setor. A ação teve o foco no treinamento da Brigada de Emergência do hospital.

Para o capitão do Corpo de Bombeiros de São Carlos, Jean Gomes, a ação foi satisfatória para identificar os pontos que precisam de uma maior atenção. “Considero todo o processo positivo. Teremos que melhorar a comunicação entre a Brigada de Emergência e o Corpo de Bombeiros.  Simulado tem essa função de encontrar pontos que necessitam de uma maior atenção”, relatou.

De acordo como engenheiro de Segurança do Trabalho da Santa Casa, Carlos Eduardo Mellado, o treinamento foi bastante produtivo e possibilitou aos brigadistas uma vivência bem próxima de uma situação real.

Mellado ressaltou ainda que a proposta do exercício simulado foi para envolver funcionários, Corpo de Bombeiros e os parceiros da Santa Casa como: SAMU, Hospital Universitário (HU), Unimed e algumas empresas particulares de ambulâncias. “Tudo aconteceu com o hospital em funcionamento sem parar ou interferir no atendimento da UTI ou qualquer outro setor do hospital”.

A Brigada de Emergência efetuou o combate inicial e retirada de funcionários até a chegada do Corpo de Bombeiros, quando Corpo de Bombeiros tomou a frente do comando da simulação. A proposta, segundo o engenheiro, foi retirar das pessoas da UTI e levar para alguma unidade de atendimento que comporte pacientes graves. “Este simulado teve como objetivo verificar toda logística e todo suporte em caso de um incêndio real no prédio da Santa Casa”, ressaltou.

 F

Deixe uma resposta