IBATÉ | Polícia Militar transfere sistema de rádio analógico para tecnologia digital

A comunicação via rádio da Polícia Militar de Ibaté ganhou mais qualidade e segurança. Desde o último dia 01 de outubro, o 38º Batalhão da Polícia Militar de São Carlos, no qual o Pelotão de Ibaté está inserido, transferiu o sistema de comunicação analógico para a tecnologia digital. A transmissão de informações continua funcionando por radiofrequência, mas, agora, ficou bem mais difícil de ser interceptada, dificultando a ação de criminosos.

No sistema analógico, criminosos poderiam copiar (ouvir) a frequência da PM com radinhos (HTs), que são facilmente adquiridos, por exemplo, no Paraguai ou em bancas de camelôs. Agora, mesmo que tenham um rádio com tecnologia digital, não vão mais conseguir acessar a frequência, porque depende de uma programação, que é sigilosa.

O tenente Daniel Molina, comandante do Pelotão de Ibaté, comentou que, além de maior segurança, a rede de comunicação ganhou maior qualidade, se livrando dos incômodos ruídos característicos das transmissões analógicas.

“Na frequência analógica a integridade física dos PMs era colocada em risco, pois pessoas envolvidas em ocorrências ouviam os diálogos entre os policiais. Com o processo digital, isso deixa de acontecer. Foi um processo demorado, de vários anos e de iniciativa do 38º Batalhão que foi a São Paulo e buscou essa tecnologia e novos equipamentos”, finalizou.

Deixe uma resposta