DESTAKE | Servidores da Educação de São Carlos são homenageados com Medalha Caetano de Campos

O professor coordenador do Núcleo Pedagógico da Diretoria de Ensino de São Carlos, Paulo César Lazzarini, recebeu no dia 2 de março (sexta-feira), a Medalha MMDC “Caetano de Campos” e o certificado de “Amigo da Educação”, durante solenidade na sede da Educação.

Paulinho, como é carinhosamente conhecido, foi homenageado em reconhecimento ao serviço prestado para a educação paulista.

Criado em 2016, o Núcleo MMDC “Caetano de Campos”, da Secretaria de Educação do Estado de São Paulo e da Sociedade Veteranos de 32-MMDC, tem a finalidade de recompensar pessoas físicas ou jurídicas, nacionais ou estrangeiras que, por seus méritos e relevantes serviços prestados à sociedade paulista, tenham se tornado pessoas dignas de distinção.

Entre as categorias, são escolhidos professores, diretores, dirigentes e escolas para representarem as classes a cada edição. A medalha lembra os heróis de 1932, Martins, Miragaia, Dráusio e Camargo (MMDC), pessoas que tiveram um ideal no passado, que fizeram algo pelo país.

A comenda também é associada à educação, pois foi no final da Revolução de 1932 que se criou a Universidade de São Paulo, para lembrar os paulistas e paulistanos que o estado de São Paulo não pegaria mais em armas. “Seríamos os grandes heróis da intelectualidade por meio da USP”, afirma o sargento Tarcísio Cândido de Aguiar, diretor do Núcleo MMDC Caetano de Campos.

Segundo ele, “a comenda foi feita com o intuito de homenagear as pessoas que muito fazem pela educação. Nós temos que entender um pouco da história para fazer o presente. Então, a medalha homenageia aqueles que lutaram no passado, que deram o seu sangue para um futuro melhor, e também àqueles que têm um comprometimento com a Educação, que fazem a diferença atualmente”, explica sargento Tarcísio.

A diretora da E.E. Dr. Alvaro Guião – que também é de São Carlos – Rita de Cássia Baffa Gonçalves, representou a unidade homenageada na categoria escola que foi reconhecida pela gestão e conservação do patrimônio. Ela está à frente da Alvaro Guião há apenas um ano, mas enfatiza que o “trabalho com o grupo de professores é muito bom. Eles estão ali para ajudar, para colaborar e esse é o diferencial. É um time forte, e é importante ter um grupo de professores unido à gestão”. A diretora acrescenta que “essa medalha dá um gás para o resto do ano e também para os anos seguintes, com certeza!”, finaliza.

“A Secretaria da Educação do Estado de São Paulo é uma das maiores estruturas do planeta. Nós não poderíamos premiar 230 mil professores, mais de 10 mil gestores, supervisores, associações de pais e mestres, enfim. Então, nós escolhemos simbolicamente alguns representantes para que se sintam contemplados e levem para a sua categoria esse abraço da Secretaria, com um agradecimento de todos nós por aquilo que eles têm feito”, ilustra o Secretário de estado da Educação, José Renato Nalini.

A diretora regional de Ensino, professora Débora Gonzalez Costa Blanco também acompanhou a entrega das homenagens.

Deixe um comentário