IBATÉ | Descontente com serviço, Zé Parrella irá terceirizar exame de raio-x

Descontente com o serviço prestado pelo aparelho de raio-x do Hospital Municipal de Ibaté, o prefeito Zé Parrella resolveu terceirizar o serviço. Segundo o apurado, a máquina foi comprada no ano de 2013, porém, não vem atendendo a demanda corretamente. Atualmente, no município são realizados aproximadamente 1.500 exames nesse equipamento por mês.

Na última terça, dia 12, novamente o aparelho teve que ser paralisado por estar soltando um forte cheiro de queimado. Foi solicitada a visita de um técnico para analisar o problema e o mesmo constatou que o tubo principal que gera a captação das imagens não está suportando a demanda.

Nesses quase cinco anos o aparelho constantemente vem apresentando falhas. Após a aquisição da máquina, mais de 20 vezes houve a paralisação do equipamento e cada vez que isso ocorre, obviamente quem sofre é a população.

O avaliador técnico que esteve no hospital colocou em dúvida a qualidade do aparelho ou até mesmo supostamente o manuseio do equipamento, por isso, o prefeito José Luiz Parella,  descontente com a situação, pretende abrir um processo licitatório a fim de disciplinar a terceirização dos serviços de raio-x em Ibaté. A intenção, segundo a Prefeitura, é que os atendimentos sejam efetuados de maneira mais rápida e eficiente para que assim a população não seja mais prejudicada.

[São Carlos em Rede, com informações do Facebook de Aline Sanchez Serafim].