CULTURA | Região em Destake faz tour na exposição do Castelo Rá-Tim-Bum em Ribeirão Preto

Toda a magia e nostalgia do Castelo Rá-Tim-Bum estão presentes nos mais de 20 cenários recriados com o máximo de detalhes em uma área de aproximadamente 500 metros quadrados, no Shopping Iguatemi, em Ribeirão Preto (SP).

Maior sucesso veiculado por uma emissora pública brasileira, a exposição proporciona que jovens e adultos façam uma viagem no tempo e voltem entre os anos de 1994 e 1997, quando o programa era transmitido pela TV Cultura.

Aqueles que têm entre 20 e 25 anos, provavelmente, queriam ser amigos do Nino, Zeca, Biba e Pedro. E admita, você também era doido por algum cantinho daquele castelo! Das cozinhas cheias de gavetas, a árvore com uma cobra falante (Celeste), o Lustre do Castelo ou o mundo paralelo (?) onde Marcelo Taz dizia “porque sim não é resposta!”.

O Porteiro recebe todos os visitantes. São mais de 20 ambientes que projetam cenários, figurinos, cenas e histórias que marcaram a nossa infância. Nos ambientes, os visitantes se encontram com os personagens marcantes do seriado da TV Cultura, como a cobra Celeste em sua árvore, o Gato Pintado organizando a biblioteca, além de ver o incrível quarto do Nino e da feiticeira Morgana. A sala de música, o esgoto onde moram os personagens Mau e Godofredo e muitos outros cenários também podem ser vistos pelos fãs.

Na mostra, quadros do programa também foram contemplados: o laboratório de Tíbio e Perônio e o ninho dos passarinhos João de Barro e as Patativas com seus vários instrumentos musicais. Personagens queridos do público, como o Ratinho, o Fura-Bolo e toda a turma da Dedolândia e também os figurinos originais utilizados nas gravações completam a experiência.

História

Considerado um dos grandes sucessos da TV Cultura, o Castelo Rá-Tim-Bum foi produzido e exibido pela emissora entre 1994 e 1997. Com 90 episódios, a série é considerada paradigma na programação infantil da televisão brasileira. Ganhou o prêmio da APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte) em 1994 e virou filme em 1999. A arquitetura da maquete do Castelo foi inspirada no estilo modernista do artista catalão Antoni Gaudí, que projetou a Basílica da Sagrada Família, uma das atrações turísticas de Barcelona.

A unanimidade da crítica, a conquista de diversos prêmios nacionais e internacionais, e, principalmente, o imediato sucesso de público atestaram que nascia ali um marco na história da produção audiovisual brasileira que ia além do público infantojuvenil, e ganharia admiradores de ao menos três gerações.

Reportagem e fotos: Paulo Melo

Clique aqui e assista todos os episódios do Castelo Rá-Tim-Bum