SÃO CARLOS | Aumentou o número de candidatos em 43% na Residência Médica da Santa Casa

O processo seletivo da Residência Médica da Santa Casa realizado esta semana aumentou o número de candidatos em 43%, quando comparado com o ano passado. Ao todo são 23 vagas em oito especialidades.

O crescimento junto aos médicos recém-formados que buscam especialização indica que o programa ganhou força e visibilidade no decorrer dos anos. Este ano, dos 162 inscritos, 138 fizeram a prova.

A Santa Casa oferece Residência Médica desde 2015 e atualmente disponibiliza especialização em Anestesiologia, Cardiologia, Clínica Médica, Cirurgia Geral, Cirúrgica Básica, Ginecologia/Obstetrícia, Pediatria e Ortopedia/Traumatologia. A Santa Casa contará a partir de março com 46 médicos residentes nas oito especialidades.

De acordo com o Conselho Federal de Medicina, a Residência Médica é uma modalidade de ensino de pós-graduação destinada a médicos, sob a forma de curso de especialização. Ela funciona em instituições de saúde, sob a orientação de profissionais médicos de elevada qualificação ética e profissional.

Esses programas são credenciados e reconhecidos pela Comissão Nacional de Residência Médica (CNRM). O grupo é composto pelos Ministérios da Saúde, da Educação (MEC) e da Previdência Social (MPAS), além de entidades médicas, como o CFM.