POLÍTICA | Lei para entrega de medicamento de uso continuo em domicílio é aprovada na Câmara

O vereador Julio Cesar (Democratas) teve aprovada na Câmara nesta última terça-feira (28) um projeto de lei na Câmara Municipal, visando à distribuição gratuita em domicílio de medicamentos de uso contínuo às pessoas com deficiência motora, multideficiência profunda, com dificuldade de locomoção e idosos.

O projeto de lei considera pessoa com deficiência motora toda aquela que, por motivo de lesão, deformidade ou enfermidade, congênita ou adquirida, seja portadora de deficiência motora, ao nível dos membros inferiores ou superiores, de caráter permanente, desde que tal de deficiência comprovadamente dificulte. Os idosos também serão contemplados com tal projeto.

“Este projeto tramitou em todas as Comissões e foi aprovado no Plenário da Câmara por todos os vereadores. Nosso principal objetivo é que a pessoa que não tem condições de se dirigir até os locais de distribuição dos medicamentos receba-os em sua casa. Agradeço a todos pela aprovação de nosso projeto”, disse Julio Cesar.

O projeto foi votado ontem na Câmara Municipal e aprovado por unanimidade. Agora, ele será enviado para que o prefeito sancione e promulgue tal lei.

Deixe uma resposta