IBATÉ | Campanha de vacinação contra a gripe busca vacinar 90% do público alvo

A Prefeitura de Ibaté, por meio do Departamento de Saúde, vem imunizando as pessoas que integram os grupos prioritários contra a gripe. A ação é devido a Campanha Nacional de Vacinação Contra a Influenza, realizada em todos os municípios brasileiros.

A partir desta edição da campanha, professores das redes pública e privada passam a fazer parte do público-alvo, que antes era formado por pessoas a partir de 60 anos, crianças de seis meses a menores de cinco anos (quatro anos, 11 meses e 29 dias), trabalhadores de saúde, professores das redes pública e privada, povos indígenas, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), pessoas privadas de liberdade – o que inclui adolescentes e jovens de 12 a 21 anos em medidas socioeducativas – e os funcionários do sistema prisional.

Portadores de doenças crônicas não transmissíveis, que inclui pessoas com deficiências específicas, também devem se vacinar.

Para os professores, a ação ocorrerá no âmbito do Programa Saúde na Escola, que prevê o acompanhamento e regularização das coberturas vacinais da população.

O ideal é que todas as pessoas dos grupos definidos busquem a vacinação dentro do prazo preconizado pelo Ministério da Saúde e estejam devidamente protegidos antes do inverno chegar, pois a vacina precisa de 15 dias para garantir o efeito.

O objetivo do Ministério da Saúde, e também da Prefeitura de Ibaté, é vacinar 90% da população considerada de risco para complicações por gripe. A meta de vacinação deste ano aumentou devido aos índices alcançados nos últimos anos, que ultrapassaram 80%. O ano de 2016 foi o primeiro em que este índice ultrapassou 90% e atingiu 93,5% de cobertura vacinal.

Centro da Melhor Idade

Nesta semana, os idosos do Centro de Convivência da Melhor Idade de Ibaté foram vacinados contra a Influenza. Profissionais da área da saúde foram até o local onde aplicaram as doses nos frequentadores.

Essa ação é realizada anualmente, o que também contribui para que mais pessoas, principalmente os idosos, tenham acesso a vacinação contra a Influenza.

Deixe uma resposta