POLÍTICA | Município de Itirapina recebe nova fábrica de automóveis da Honda

O governador João Doria participou, nesta quarta-feira (27), da cerimônia que marcou o início das operações da nova fábrica da Honda Automóveis do Brasil em Itirapina, no interior paulista. As atividades começam com o faturamento do primeiro Fit produzido nas instalações.

“A indústria automobilística tem, na sua cadeia, uma geração importante de valor. A Honda dá uma demonstração de confiança em São Paulo e no Brasil ao inaugurar a segunda fábrica no Estado”, ressaltou o Governador João Doria.

Com capacidade produtiva nominal de 120 mil unidades por ano, em dois turnos, a fábrica inicia as atividades com a produção diária de 90 unidades do modelo e conta com a experiência dos colaboradores transferidos da planta de Sumaré.

Gradualmente, os demais modelos fabricados no Brasil também passarão a ser produzidos na unidade. A conclusão da transferência está prevista para 2021. Em Sumaré, também em São Paulo, permanecerão atividades que receberam investimentos recentes da companhia.

IncentivAuto

Com o objetivo de fortalecer o setor automotivo, por meio da manutenção e ampliação de empregos, o Governo Paulista anunciou, neste mês, o Programa IncentivAuto – Gerando Emprego e Renda, que concederá descontos de ICMS para todas as empresas fabricantes de veículos interessadas em aderir à iniciativa.

Serão concedidos descontos de até 25% do ICMS devido nos produtos fabricados a partir da conclusão dos projetos realizados. Para isso, as empresas interessadas deverão apresentar planos de investimento superiores, no mínimo, a R$ 1 bilhão.

A montadora que aderir ao Regime Automotivo Para Novos Investimentos do Governo do Estado deverá gerar, no mínimo, 400 postos de trabalho, e todo o investimento deverá ser feito no território paulista. Entre os critérios, poderão ser aceitas propostas de novas fábricas, novas unidades de produção, novos produtos e expansão de plantas industriais.

Projetos

Inicialmente, as empresas deverão apresentar os projetos junto à Comissão de Avaliação da Política de Desenvolvimento Econômico do Estado de São Paulo, constituída por integrantes da Secretaria da Fazenda e Planejamento e da Secretaria Desenvolvimento Econômico.

Em seguida, após a aprovação, os projetos serão acompanhados pela Investe São Paulo – Agência Paulista de Promoção de Investimentos e Competitividade, por meio de relatório demonstrativo semestral do cumprimento do cronograma de execução do empreendimento.

Deixe um comentário