POLÍTICA | Netto Donato deixa o MDB e pode se filiar ao Democratas ou PSDB

A notícia da desfiliação do ex-candidato à prefeito Netto Donato, junto ao MDB (Movimento Democrático Brasileiro), abriu as apostas para qual fileira partidária o político deve se filiar e disputar, novamente, o Poder Executivo de São Carlos, no ano que vem.

O futuro de Netto Donato é incerto, porém, a única certeza é que o mesmo está sendo muito bem acolhido no ninho dos tucanos. Para se ter ideia, o ex-deputado federal Lobbe Neto (PSDB), que afirma veemente e em todos os cantos que não vai ser candidato à prefeito, trabalha com muito afinco para contar com o político no Partido da Social Democracia Brasileira.

A proposta tem o apoio irrestrito do próprio governador João Doria (PSDB), que vê com bons olhos a filiação do jovem e promissor político no ninho tucano. Aliás, é esse o perfil de candidatos que o governador tem procurado, no que ele chama de oxigenação do partido.

Porém, o vice-governador Rodrigo Garcia (DEM) também abriu uma avenida para que Netto se sinta confortável em se filiar ao Democratas. Garcia estaria disposto à entregar a Executiva do Diretório Municipal de São Carlos, ao ex-emedebista, se o mesmo aceitar ser candidato pelo partido.

O portal Região em Destake recebeu a informação de que um almoço foi marcado para esta quarta-feira, 24, onde estarão reunidos Netto Donato e os vereadores Marquinho Amaral, Lucão Fernandes e Laíde Simões, entre outras lideranças emedebistas, para definir o futuro de todos. Isso porque, os vereadores também estariam dispostos à deixar o MDB para seguir o caminho de Netto Donato.

O fato é que a corrida eleitoral já começou pela cidade de São Carlos e como diria o saudoso jornalista Rui Cereda: “quem viver verá!”.