SÃO CARLOS | Marquinho Amaral visita Secretarias Municipais e coloca mandato à disposição

O vice-presidente da Câmara Municipal de São Carlos, Marquinho Amaral (PMDB), visitou na tarde desta quarta-feira (25), as Secretarias Municipais de Esportes e Lazer; de Agricultura e Abastecimento; e de Assistência Social.

Na oportunidade, o parlamentar colocou seu mandato à disposição dos secretários e aproveitou para tomar conhecimento do estado que foram encontradas as pastas.

Com o secretário Edson Ferraz (Esportes), Marquinho discutiu sobre o estado das praças esportivas; a realização dos Campeonatos Amador e Vareano (organizados pela Liga São-carlense de Futebol); e também de outros eventos esportivos, tais como, a Jipada e o Motocross – eventos que contam com leis municipais de sua autoria.

“São Carlos voltará a receber os grandes eventos esportivos na cidade. O Edson Ferraz é uma pessoa preparada e que realiza o seu trabalho com muita dedicação”, comentou. “Estamos à disposição. Uma grande marca dos meus mandatos tem sido o apoio a qualquer prática esportiva na nossa cidade, tanto aqueles patrocinados pela Prefeitura quanto os dos clubes particulares, Country Club e Cedrinho”.

Marquinho também foi recebido pelo secretário Deonir Tofollo (Agricultura), e o chefe de gabinete Rykoff Aidar, onde mostrou sua preocupação com a alimentação escolar. “O secretário garantiu que no retorno às aulas, dia 6 de fevereiro, todos os ingredientes estarão disponíveis nas unidades escolares”, relatou.

Tofollo relatou ao parlamentar peemedebista que assumiu a pasta com mais de R$ 1,5 milhão de dívidas na merenda e que está renegociando preços, junto aos fornecedores. “Ele nos contou que já conseguiu desconto de vários preços dos gêneros alimentícios e estará apresentando os números dessa economia, à imprensa e aos vereadores”, afirmou.

Na Assistência Social, Marquinho relatou à secretária Graziela Cristiani Solfa Marques, que está preocupado com as pessoas que pedem esmolas nos semáforos; com os andarilhos que dormem nas ruas e acabam invadindo praças e locais públicos, trazendo insegurança para a população; com as duas unidades do Albergue Infantil; e também com a situação de várias entidades assistenciais que estão fechando, nos últimos anos, por falta de apoio do poder público. “A Prefeitura precisa ter uma relação melhor com essas entidades, pois elas acabam absorvendo e ajudando atender à demanda do município”, comentou.

Marquinho finalizou ressaltando que já programou novas visitas, não só aos secretários municipais, como também nas unidades de saúde e escolares, assim que as aulas retornarem. “Estamos à disposição dos secretários na Câmara e vamos ajudar na agilização de projetos que sejam de interesse para a nossa cidade”.

Deixe uma resposta