IBATÉ | Prefeitura pede para que descarte de entulhos e lixo sejam realizados corretamente

Com a implantação do projeto “Ibaté Cidade Limpa”, a Prefeitura de Ibaté passou a disponibilizar caçambas em diversos pontos do município, com o objetivo de acabar com o descarte irregular de entulhos, o problema é que em algumas situações pessoas estão colocando lixos domésticos nesses pontos.

As caçambas foram colocadas para que sejam colocados resíduos sólidos de construção de civil, mas não é o que vem ocorrendo. “A Prefeitura não têm como controlar o lixo que é depositado nas caçambas. A pessoa vê a caçamba ali, na rua, e acaba jogando a latinha, caixa de papelão entre outros  lixos doméstico e outras coisas. Isso cria um problema, porque os aterros, que deveria conter apenas detritos limpo, acabam se tornando verdadeiros lixões”, comentou o prefeito José Luiz Parrella (PSDB).

Zé Parrella acredita que se cada pessoa fizer a sua parte, Ibaté ficará ainda mais limpa e atrativa para os visitantes, evitando também doenças. “Quando o lixo é mal destinado, acaba atraindo animais que transmitem diversas doenças, por isso resolvemos fazer essa campanha, com o intuito de eliminar os riscos, sendo uma alternativa ecologicamente correta. Então as pessoas irão separar seus resíduos da forma certa e a Prefeitura se encarregará de dar o destino correto. Mas precisamos contar com a ajuda da população para isso, as pessoas realmente precisam fazer o descarte corretamente”, observou o chefe do Executivo.

A Prefeitura pede para que as pessoas coloquem o lixo pesado e o entulho obrigatoriamente nas caçambas de coleta disponibilizadas em cada bairro, de preferência no qual reside, e não em qualquer lugar de forma irregular. “As caçambas são para colocar entulhos e não lixos domésticos. O problema é que as pessoas estão usando as caçambas pra jogar lixo doméstico e as caçambas são para jogar entulhos e resto de materiais de construção e jardinagem, pois o descarte de lixo doméstico faz com que as caçambas juntarem bichos e com isso pode acarretar em doenças”, enfatizou Zé Parrella.

Outra questão importante é que os criadouros de vetores transmissores de diversas doenças como, por exemplo, a Dengue, Zika e Chikungunya, podem acabar surgindo. “As pessoas precisam ser conscientes da importância que é o projeto e com isso eliminando criadouros de mosquitos transmissores de doenças”, ressaltou Zé Parrella.

O prefeito alerta que caso aconteça algum tipo de descarte irregular, é passível de multa e pede para a própria população denuncie. “Vale ressaltar que quem desrespeitar e descartar entulho e lixo de forma irregular está sujeito a multa de R$ 501,40, conforme a Lei Municipal 2.394/2008. Vamos colaborar e deixa Ibaté limpa. Caso presencie qualquer descarte irregular, denuncie, ajude a Prefeitura a fiscalizar”, alertou Zé Parrella.

Caçambas

Diversas caçambas foram localizadas em pontos estratégicos de Ibaté, sendo eles, os bairros: Popular, no final da Rua São Paulo; Jardim Cruzado, no final das ruas São Carlos, Taquaritinga e José Giro; Jardim do Bosque, na estrada atrás da Mata; Jardim Icaraí, no final da Rua José Menzani; no Jardim América, no final da rua Benedito A. Camargo; e próximo a Chácara Mudas Camará.

Lixo doméstico

A coleta de lixo também passou a receber uma atenção especial, sendo seletiva, por isso a idéia é que as pessoas separem os reciclados do lixo orgânico.
O lixo será recolhido em dias alternados, sendo de segunda, quarta e sexta nos bairros Jardim Cruzado I e II, Jardim América, Jardim Menzani, Jardim do Bosque, CDHU, Jardim Esfer, Vila Mariana I e II, Jardim Nossa Senhora Aparecida, Jardim Icaraí, Jardim América e Loteamento José Giro, e terça, quinta e sábado na Vila Bandeirantes, Jardim Encanto do Planalto I e II, Vila São Benedito, Santa Terezinha, Vila Tamoio, Jardim Domingos Valério, Popular I e II e Residencial Mariana. No Centro de segunda a sexta.

O chefe do Executivo ressalta que as pessoas precisam ficar atentas aos dias que serão realizadas as coletas em cada bairro. “Toda semana terá coleta em todos os bairros e como será feita em dias alternados, pedimos a compreensão para que as pessoas coloquem os lixos no dia da coleta e nas lixeiras”, finalizou Zé Parrella.

Deixe uma resposta