Saúde realiza capacitação sobre avaliação multidimensional da Pessoa Idosa na Atenção Básica

A Secretaria Municipal de Saúde, através do Departamento de Gestão do Cuidado Ambulatorial (DGCA) e apoio do Laboratório de Estudo da Dor e Funcionalidade no Envelhecimento (LADORFE/UFSCar) e da equipe DGerobrasil/UFSCar do Departamento de Gerontologia realizou nesta quinta-feira (04) e na sexta (05), no auditório do Paço Municipal, a capacitação dos profissionais de saúde das equipes de atenção primária para a utilização da Avaliação Multidimensional da Pessoa Idosa na Atenção Básica (AMPI-AB).

Essa avaliação é importantíssima para o acompanhamento das condições de saúde e bem-estar da pessoa idosa, para o planejamento de ações individuais e coletivas, organização da rede de cuidado integral a pessoa idosa e direcionamento para a gestão dos serviços.

Esse acompanhamento deve ser feito pelo menos uma vez ao ano como preconiza a Política Nacional de Saúde da Pessoa Idosa. O envolvimento, engajamento e motivação das equipes é fundamental na qualificação da atenção à saúde da pessoa idosa na atenção primária do município.

Crislaine Mestre, diretora do DGCA, ressalta que as capacitações aos profissionais de saúde tem sido frequentes para ofertar conhecimento e consequentemente qualificar a assistência. “Neste caso a capacitação sobre a avaliação será muito importante para o acompanhamento das condições de saúde e bem-estar da pessoa idosa”.

A capacitação foi ministrada pela Profa. Dra. Karina Gramani Say, pela mestranda Luana Rafaela Porcatti, pelas as pós-doutorandas Verena Vassimon Barroso Carmelo e Isabela Thaís de Jesus Machado e demais discentes do DGero.