GERAL | Pescadores amadores realizam soltura de peixes juvenis no Rio Mogi Guaçu

A iniciativa faz parte do projeto Bracinho Vivo e está em seu terceiro ano

Pelo terceiro ano um grupo de pescadores esportivos da região realiza, no próximo sábado (11), a soltura de peixes juvenis no rio Mogi Guaçu, por meio do projeto Bracinho Vivo.

A ação, uma iniciativa da sociedade civil, é organizada e financiada por pescadores que possuem propriedades no Bracinho, Nova Grama, Frente Única e União, às margens desse rio, próximo à cidade de Rincão, SP.

Os organizadores estimam que, neste ano, conseguirão deixar no rio mais de seis mil novos exemplares de peixinhos nativos da Bacia do Mogi Guaçu.

Em 2016 foram soltos quatro mil peixes, exemplares de Piauçu, Piracanjuba, Pacu, Pintado e Cachara. Já na primeira soltura, em 2014, foram mais de cinco mil peixes.

O objetivo principal do Projeto Bracinho Vivo é contribuiu para o repovoamento do rio durante o período de piracema, atendendo à questão ambiental; divulgar a prática do pesque e solte, além de servir como exemplo e inspiração para outras iniciativas similares.

O evento poderá ser acompanhado na página Bracinho Vivo no Facebook.

Deixe uma resposta