SÃO CARLOS | VAA oferece melhor preço para realizar o serviço de tapa-buraco

 

A Prefeitura Municipal de São Carlos realizou nesta quinta-feira (25), a abertura de propostas da licitação na modalidade pregão presencial, do tipo menor preço, para contratação de empresa para a realização do serviço de tapa-buraco, em São Carlos.

Depois da oferta de lances por 7 empresas o valor do menor lance registrado foi da empresa VAA Construções (Valéria Andreoli de Almeida Construções – EPP), R$ 3.938.000,00, que fez valer-se da Lei Complementar 123/2006, que estabelece normas gerais relativas ao tratamento diferenciado e favorecido a ser dispensado às empresas de pequeno porte no âmbito dos Poderes da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios. A segunda colocada foi a empresa AMX Ambiental Indústria e Comércio. O valor máximo fixado para a licitação foi de R$ 5.927.719,80 para contratação de 6 equipes pelo período de 12 meses.

O Diário Oficial do Município na edição desta sexta-feira (26), já traz a publicação do extrato, a partir desta data as demais empresas têm três dias úteis para entrar com recursos, prazo, portanto que se encerra na próxima quarta-feira (31).

Homologação e Adjudicação – Decididos os recursos e constatada a regularidade dos atos procedimentais a autoridade competente adjudicará o objeto ao vencedor e o prefeito Airton Garcia homologará o resultado do certame. A partir daí a empresa vencedora será convocada em até duas semanas para a assinatura da ata de registro de preços. Após essa assinatura a Prefeitura já poderá emitir a ordem de serviço para o início dos trabalhos.

A VAA tem sede em Mairinque, interior de São Paulo e segundo a representante da empresa, Claudenice Alves Duarte, a VAA já prestou serviço para Departamento de Água e Esgoto (DAAE) Araraquara e também para Cia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (SABESP), além do próprio SAAE São Carlos. “Já trabalhamos na região e em São Carlos. Vamos montar nosso canteiro de obras e a nossa ideia é contratar pessoas da cidade para a realização do serviço e também adquirir a massa asfáltica aqui na região”.

Segundo o secretário de Serviços Públicos já foi definida uma programação. “Nós já organizamos um cronograma e a nossa intenção é trabalhar no sentido bairro centro. Como previsto no edital vamos ter 6 equipes, uma em cada região e também nas vias de maior trâfego. Esperamos que vencidas as próximas etapas, recursos, homologação e adjudicação, em trinta dias as equipes já estejam na rua”, afirma Mariel Olmo.

Os vereadores João Muller, Roselei Françoso e Moisés Lazarine e a imprensa local acompanharam a abertura das propostas.

Deixe uma resposta